terça-feira, fevereiro 19, 2008

Na 3ª linha

Alguém viu ontem o Prós e Contras?
Eu vi uns bocadinhos, mas ia mudando para não entrar em coma profundo.
Era sobre qualquer coisa, tipo aeroporto + terceira travessia a multiplicarpelo ordenamento do territórios e umas coisas polinucleadas.
Até ouvi algumas coisas com sentido e afinal o Augusto Mateus até é mais do que um ex-Ministro da Economia sofrível.
O Fonseca Ferreira nosso conhecido é que pode ter muito boas ideias, é pena é que para as explicar um tipo fique ali a navegar em frases sem fim.
Mas interessou-me mais a hierarquia dos autarcas da Margem Sul presentes na sessão.
Não sei bem porquê, o Presidente da Câmara do Seixal teve direito a grande plano, nas mesas lá de cima, sem que nada do que se vai passar afecte directamente o seu concelho, tirando o malfadado Metro do Sul to Tejo que parece mesmo uma obra de Santa Engrácia.
Remetido para a plateia, o presidente da Câmara do Barreiro e da Área Metropolitana de Lisboa, Carlos Humberto, justificou a despromoção (logicamente deveria estar nos cadeirões) com umas intervenções meio confusas.
Quanto ao shôr presidente da Moita foi remetido para uma 3ª linha discreta.
Tudo normal.
Respeitaram-se as hierarquias e as precedências.

4 comentários:

Anónimo disse...

O homem ficou ao lado da madrinha.
Entrou mudo e saíu calado.

De início com ar carrancudo e desconfiado (esqueceu-se de levar a assessora para lhe dizer que fica mal, estar sentado de sobretudo vestido)e aliviou a carantonha lá mais para o fim, com a lenga-lenga da peri-equação.

Tremeu, tremeu, foi quando o assunto passou para as mais-valias urbanísticas e pensou que a Fátima Campos Ferreira lhe perguntava a opinião...

Anónimo disse...

Última hora:

Tribunal Condstitucional chumba empréstimo de saneamento financeiro.

Como é que ficará o mesmo aprovado na autarquia moiteira?

Anónimo disse...

Alfredo Monteiro é presidente da Ass.Municipios de Setubal, daí a mesa de "honra"...

Hélinho Truja disse...

e o Minhocas, da Junta