terça-feira, outubro 20, 2009

Sobre a Candidatura "ibérica" ao Mundial de Futebol

O Gilberto Madail e o e o seu homólogo espanhol, Ángel María Villar sempre levaram avante o seu projecto da candidatura de Portugal e Espanha à organização do Campeonato do Mundo de Futebol.

-Só este facto é uma afronta à nossa Pátria.

-A nomenclatura, candidatura "ibérica" é uma afronta à Pátria.

-As cotas dos jogos, de 60% para Espanha e 40% para Portugal, é uma afronta à Pátria.

-O facto de haver apenas três estádios em Portugal, dois em Lisboa e um no Porto, com capacidade para os jogos e ter de se gastar mais uns milhões de milhões de Euros para satisfazer os poderes locais que também querem que os jogos do Mundial "ibérico", no seu feudozinho, como é o caso do Estádio de Faro e de todos os outros que virão a seguir-lhe os passos é uma afronta aos clubes de futebol locais, que só recebem esmolas do poder local e nacional.

-As justificações de que o campeonato Mundial "ibérico" vai rentabilizar os injustificáveis e megalómanos projectos destruidores da nossa economia, a Terceira travessia do Tejo e o TGV, são uma afronta à Pátria.

-Os apoiantes deste projecto, seja para 2018 ou seja lá quando for, são traidores da Pátria.

-Na situação económica que Portugal, atravessa e atravessará, com o aumento imenso do desemprego, nos próximos 10/20 anos, apresentar este projecto é uma afronta aos portugueses.

-A indefinição do que será Espanha nos próximos 10/20 anos. Uma república federativa, uma confederação de monarquias, ou um conjunto de Nações independentes, faz com que esta candidatura "ibérica", deixe até de fazer sentido para Espanha e é desde já um atestado de menoridade às Regiões/Nações da actual Espanha, como reagirão os governos do País Basco, Catalunha ou Galiza ?

Quando souberem que apenas Portugal e Espanha*, (*leia-se "Império Castelhano"), são a "Ibéria" ? megalómana, despesista e centralista de ambos os Países, como reagirão estas Regiões/Nações da actual Espanha ?

Este projecto é uma afronta às Nações de espanha e uma ingerência nos assuntos internos da política de Espanha e perigosos para a nossa soberania e para a manutenção de Espanha como monarquia e da monarquia como elemento de coesão da ainda Espanha.

-Será que Portugal quer ter nas costas o peso da secessão de Espanha e contribuir para aumentar o grau de instabilidade da já frágil e problemática monarquia espanhola ?

4 comentários:

Anónimo disse...

A BOLA dá à volta à cabeça das pessoas.

fernado disse...

Não dá voltas á cabeça não ò seu pandeleiro castelhano, o que ele escreveu no blogue é uma grande verdade, é uma vergonha esta designação e uma afronta para os portugueses em dúvida.

na minha opinião Portugal não se deve meter nisso porque a situação económica do pais não o permite, mas se porventura entrasse o nome a escolher seria luso-espanhol ou então peninsular.

Agora "Ibérico", mas que merda é esta?

Chamar-lhe isto seria o mesmo que chamar-lhe luso-castelhano, os espanhóis claro que não aceitariam e achariam isso um insulto.

Morte é Espanha e a Castela.

IndePendencia para a catalunya, pais basco e galiza.

Anónimo disse...

Apoiado amigo, estamos sobre o domínio de uma esquerda anti-patriótica e iberista personificada pelo actual partido socialista subserviente à maçonaria espanhola e que conspira para destruir Portugal como estado soberano, sendo sem dúvida nenhuma esta designação um atentado aos portugueses e a Portugal, porque para mim chamar-lhe “ibérico” seria o mesmo que nós chamar-lhe luso-castelhano, é claro que os espanhóis não aceitariam e achariam isso um insulto, contudo o senhor Sócrates que está ao serviço dos espanhóis e o senhor madail que nem sequer é português visto que nasceu no Congo aceitaram, estão os deis comprados pelos castelhanos, porque se fossem Portugueses de verdade nunca aceitariam este nome.

O dito cujo que dá pelo nome de Sócrates, desde que entrou para o poder não fez mais nada que destruir Portugal, trocando o patriotismo pelo iberismo, e desde que ele cá está tudo está a passar a ibérico, e a deixar de ser luso-espanhol como mandam a lógica e as leis do direito internacional.

Começou pelo Instituto de Nano Tecnologia de Braga, que em vez de se chamar de luso-espanhol se designou de "ibérico", depois foi o Instituto “ibérico” para a Investigação e Desenvolvimento e agora continua com o mundial dito "ibérico", mas a maior vergonha prende-se com a cimeira luso-espanhola que também vai passar a "ibérica" enquanto esta corja de conspiradores do lobby gay-maçonico-iberista estiverem no poder em Portugal.

Vejam só que no passado dia 9 de Novembro, aquando das comemorações da queda do muro de Berlim, o gay do primeiro-ministro que governa este país veio dizer para a televisão que as "revoluções ibéricas", entenda-se 25 de Abril e queda do nazi do Franco que nos queria invadir foram importantes para a queda do muro.

Este Sócrates-gay é um doente mental, que tem como única religião o iberismo, trocando este valores pelo patriotismo português, e isto está-se a tornar muito perigoso para nós portugueses com este senhor no governo.

Tudo isto não acontece por acaso e faz parte de uma enorme conspiração liderada pela maçonaria espanhola com a conivência da espanhola naquilo que eu designo de iber-maçonaria que tem como objectivo destruir Portugal e para isso estão atentar fazer uma lavagem ao cérebro aos Portugueses, em que tudo o que era luso-espanhol passa aser designado de “ibérico” e fazendo crer aos Portugueses que esta designação é correcta, como que tentando habituar os portugueses ao termo de modo a que se identifiquem com ele, é isto que eles estão a fazer, a tentar criar uma espécie nova de homem, o homoibericus,


Sendo assim tudo está a passar a “ibérico”, e isto está-se a tornar perigoso porque as gerações mais novas começam a habituar-se ao termo e podem até achá-lo normal, tal como se costuma dizer, água mole em pedra dura tanto bate até que fura, e não se apercebem do que está em causa e do perigo que o nosso pais esta a correr e vai correr no futuro se estes senhores se mantiverem no poder.



Que vergonha, que nojo, que rebaixa para Portugal, chamar a isto mundial “ibérico” é uma autentica afronta aos verdadeiros portugueses, é uma atentado a Portugal e só um primeiro ministro iberista, gay, maçónico e traidor á pátria, bem como um presidente da federação de futebol bêbado e vendido que dá pelo nome de Gilberto Madaíl que nem sequer nasceu em Portugal mas sim no Congo é que podia aceitar que a este mundial que nunca devia acontecer se dê-se o nome de “ibérico”.


A acontecer este mundial e de acordo com a lógica teria que se chamar de luso-espanhol, agora “ibérico” é redutor e politicamente perigoso para o país e para os Portugueses.



O iberismo está ai em força e os portugueses têm que acordar enquanto podem.

Morte à Espanha e aos iberistas

Independência para a Catalunha.

Independência para o Pais Basco.

Independência para a Galiza.

Morte à Espanha e a Castela.

Viva Portugal.

文章 disse...

餐飲設備 製冰機 洗碗機 咖啡機 冷凍冷藏冰箱 蒸烤箱 關島婚禮 巴里島機票 彈簧床 床墊 獨立筒床墊 乳膠床墊 床墊工廠 產後護理之家 月子中心 坐月子中心 坐月子 月子餐 銀行貸款 信用貸款 個人信貸 房屋貸款 房屋轉增貸 房貸二胎 房屋二胎 銀行二胎 土地貸款 農地貸款 情趣用品 情趣用品 腳臭 長灘島 長灘島旅遊 ssd固態硬碟 外接式硬碟 記憶體 SD記憶卡 隨身碟 SD記憶卡 婚禮顧問 婚禮顧問 水晶 花蓮民宿 血糖機 血壓計 洗鼻器 熱敷墊 體脂計 化痰機 氧氣製造機 氣墊床 電動病床 ソリッドステートドライブ USB フラッシュドライブ SD シリーズ