quarta-feira, outubro 27, 2010

Ao Quarto Dia Acabou o Namoro...

Da TSF: As negociações entre o Governo e o PSD com vista à aprovação do Orçamento do Estado de 2011 terminaram, esta quarta-feira, sem acordo. As reuniões já iam na quarta ronda.



As rondas negociativas entre o PS e o PSD acabaram em fracasso, é natural, o PS é intransigente e pretende salvaguardar toda a corja de sanguessugas que estão a chupar a máquina do estado que todos nós pagamos.
O estado que o PS pretende é um estado despesista, porque é feito para alimentar mediocres e os medíocres nada sabem fazer sem um estado que os alimente, porque nada fizeram na puta da vida.

O PS é o único culpado de não haver este acordo com o PSD, que apresentava um Orçamento de Estado melhor do que o OE do PS, por exemplo com a proposta de acabar com dezenas de fundações e institutos públicos, as parcerias público-privadas e acabar de uma vez com as obras megalómanas e sem sentido, o TGV, o novo aeroporto e principalmente a terceira travessia do Tejo !

Apela-se ao PSD que não se abstenha na votação, mas que vote contra e explique bem que a culpa é toda do PS, os portugueses compreenderão e o PS vai ter de apelar ao CDS que vote favorávelmente o OE 2011, o que mostrará também aos portugueses a flexibilidade cervical do Paulo Portas, que já disse que iria votar contra...mas o grande ginasta oportunista do PP sabe bem como fazer este flic-flac à retaguarda com uma perna às costas.

O presidentezinho Cavaco tudo tentou para que este acordo fosse avante e agora logo no dia a seguir à sua recandidatura, em que no discurso de lançamento de campanha afirmou: "Onde estaria o País sem a minha presidência ?" tem aí a resposta... estaria na mesma merda em que está actualmente, porque Cavaco nada fez antes e durante a crise. Ele que é economista e devia saber destas coisas de economia...

1 comentário:

Rolando disse...

Olá. Tudo blz? Aí por acaso é o Brasil? Se não, eles devem ser parentes bem proximos, quase gemeos. Estive por aqui. Apareça por lá. Abraços.